WebShoppers 28 – Resultados do Comércio Eletrônico

Webshoppers 28ª EdiçãoA 28ª edição do WebShoppers foi divulgada pela E-bit nesta quinta-feira (22/08). O relatório contém informações essenciais para o entendimento do comércio eletrônico no Brasil. O estudo analisa os dados do primeiro semestre de 2013 e as tendências para o segundo semestre.
Crescimento do e-commerce no Brasil

O comércio eletrônico continua em expansão no Brasil. Enquanto a ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados) apontou uma taxa de crescimento entre 3% e 5% para as lojas físicas da maior parte dos segmentos, o comércio eletrônico comemorou um crescimento nominal de 24% só no primeiro semestre deste ano, comparado a igual período de 2012, segundo a E-bit.
Continuar lendo

Lojas virtuais têm brasileiros navegando por mais tempo

lojas virtuaisOs brasileiros estão passando mais tempo conectados às lojas virtuais. Pelo menos é o que indicam dados levantados pelo NetView, ferramenta do IBOPE Media que estuda hábitos e comportamentos dos usuários na internet. O estudo faz um levantamento mensal que estabelece comparações de dados do mês vigente com o anterior e também com o período correspondente do ano anterior.

De acordo com o estudo, no mês de abril houve um crescimento de 13,2% no tempo que os brasileiros passam navegando em lojas virtuais, em comparação ao mesmo período de 2012. Isso representa que o internauta passa, em média, 45 minutos conectado a sites de lojas virtuais.
Continuar lendo

Mercado online: Internet já é a mídia mais importante para brasileiros

mercado onlineUm estudo realizado pela IAB Brasil em parceria com a comScore identificou o crescimento da importância do mercado online no Brasil. A internet já é apontada como a mídia mais importante para 88% dos brasileiros, muito à frente da televisão, revistas e jornais.

Nos lares com brasileiros conectados, a internet é a mídia mais utilizada. A pesquisa retornou que 40% dos entrevistados passam pelo menos duas horas por dia navegando, enquanto apenas 27% ficam o mesmo tempo em frente à televisão.
Continuar lendo

Provedores de acesso deixam de ser obrigatórios com regulação da Anatel

provedores de acessoA Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações – aprovou o novo regulamento de Serviço de Comunicação Multimídia (SCM), que acaba com a obrigatoriedade de se contratar provedores de acesso à internet ao adquirir um pacote de conexão.

O novo regulamento, aprovado no dia 23 de maio pela agência, virou alvo de polêmica entre entidades e associações interessadas no assunto. A Abranet – Associação Brasileira de Internet – se diz contrária à decisão da Anatel, por considerar que não houve um debate prévio para a eliminação dos provedores de acesso que, segundo declarou a Abranet, pode significar o fim do tratamento isonômico, além de fechar mais de 150 mil postos de empregos diretos e indiretos no setor. Continuar lendo

E-commerce: Search é a ação que gera mais tráfego para sites

buscadoresEstudo realizado pela Serasa Experian apontou o search (pesquisas em mecanismos de buscas) como principal responsável pelo tráfego em sites de e-commerce. A pesquisa avaliou o impacto no aumento do tráfego em sites de e-commerce de acordo com o investimento das empresas nas principais ações de marketing para canais digitais.

Para a coleta de dados para a pesquisa, cerca de mil empresas foram entrevistadas e foi monitorado o comportamento de 500 mil e-consumidores.
Das empresas que participaram do estudo, 44% consideraram muito importantes os investimentos em ações de marketing com o objetivo de aumentar o tráfego do site.
Continuar lendo

Publicidade online atrai consumidores brasileiros

Publicidade online Os consumidores brasileiros estão cada vez mais ambientados à publicidade online. Pelo menos é o que aponta pesquisa realizada pelo IBOPE Media, sobre a receptividade dos internautas com a propaganda na web.

Os dados levantados pelo IBOPE Media indicam que 33% dos entrevistados consideram a publicidade online mai divertida que as divulgações feitas em outros meios e outros 28% se dizem influenciados pela publicidade em redes sociais.

Publicidade online ajuda a motivar compras

De acordo com a pesquisa, 22% dos entrevistados afirmaram que anúncios na web serviram como motivação para a compra de produtos ou serviços na internet durante o mês de outubro de 2012. Entre os entrevistados, 21% consideraram que os resultados em sites de busca foram um incentivo para a compra de produtos online, assim como, para 17%, os anúncios em sites visitados influenciaram na decisão de compra. Continuar lendo

Google Apps deixa de ser oferecido gratuitamente

google appsNa última quinta-feira (6), o Google anunciou que deixaria de oferecer gratuitamente para pequenas empresas o seu software de produtividade, o Google Apps for Business. O software inclui serviços corporativos como Gmail, Google Docs e Google Drive.

Segundo publicação do Google em seu blog oficial, com a mudança, as pequenas empresas também terão que pagar US$50/ano por usuário, o mesmo valor que já é cobrado das empresas maiores pela utilização do serviço. A medida tem efeito para todos os novos clientes que se registrarem a partir de 7 de dezembro.
Continuar lendo

“Lei Carolina Dieckmann” é sancionada pela presidente Dilma Rousseff

lei carolina dieckmannA nova lei, conhecida como “Lei Carolina Dieckmann”, tipifica crimes cibernéticos.

A presidente Dilma Rousseff sancionou no dia 03 de dezembro duas leis que tipificam crimes relacionados a dispositivos informáticos: A “Lei Carolina Dieckmann” e a “Lei Eduardo Azeredo”. As leis já haviam sido aprovadas no Congresso Nacional e aguardavam sanção da Presidente.

Lei Carolina Dieckmann

A Lei 12.737, conhecida como “Lei Carolina Dieckman” foi aprovada na íntegra. A lei, que ganhou ficou conhecida por esse nome após a atriz Carolina Dieckmann ter seu computador hackeado e suas fotos íntimas roubadas e divulgadas na internet, altera o Código Penal.
Continuar lendo

Lista Negra do Procon – Conheça os 200 sites que você deve evitar

O Procon – SP divulgou uma lista com 200 sites que devem ser evitados pelos consumidores em compras pela internet. Clique aqui e veja. Além de endereço eletrônico, a lista ainda contém a razão social, CNPJ ou CPF e informa sobre a disponibilidade para acesso desses sites.

O intuito é alertar contra fraudes, já que consumidores que efetuaram compras pela internet nos sites listados acionaram o Procon de São Paulo a respeito de irregularidades, sendo a principal delas a falta de recebimento dos produtos.

Preocupado com a proliferação de portais mal-intencionados que continuam a lesar os e-consumidores, o Procon já denunciou os casos ocorridos ao Departamento de Polícia e Proteção a Pessoas (DPPC) e a Comitê Gestor da Internet (CGI) e afirma que a consulta à lista deve ser feita antes do consumidor fechar compras pela internet.
Continuar lendo

E-commerce: Brasil é o país mais bem preparado da América Latina

O Brasil encabeça a lista de países mais bem preparados para transformar a internet em um canal de vendas, e-commerce. Segundo estudo realizado pela America Economia e requisitado pela Visa Inc., o índice Brasil e-Readiness subiu 31% em dois anos e agora é de 1,24 – o maior da América Latina.

Abaixo desse índice estão: Chile (0,80), Uruguai com (0,71), México e Argentina (0,69), Porto Rico (0,63), Panamá (0,61), Venezuela (0,51), Colômbia (0,48), Peru (0,42) e Guatemala (0,36). O índice geral da América Latina passou a ser de 0,80.
Continuar lendo