Lista Negra do Procon – Conheça os 200 sites que você deve evitar

O Procon – SP divulgou uma lista com 200 sites que devem ser evitados pelos consumidores em compras pela internet. Clique aqui e veja. Além de endereço eletrônico, a lista ainda contém a razão social, CNPJ ou CPF e informa sobre a disponibilidade para acesso desses sites.

O intuito é alertar contra fraudes, já que consumidores que efetuaram compras pela internet nos sites listados acionaram o Procon de São Paulo a respeito de irregularidades, sendo a principal delas a falta de recebimento dos produtos.

Preocupado com a proliferação de portais mal-intencionados que continuam a lesar os e-consumidores, o Procon já denunciou os casos ocorridos ao Departamento de Polícia e Proteção a Pessoas (DPPC) e a Comitê Gestor da Internet (CGI) e afirma que a consulta à lista deve ser feita antes do consumidor fechar compras pela internet.

A Fundação ainda disponibiliza um Guia de Comércio Eletrônico que fornece dicas e cuidados que os e-consumidores devem ter ao efetuarem compras pela internet. Clique e consulte.

O Guia disponibiliza dados importantes sobre compras em e-commerces, sites de compras coletivas, f-commerces, clubes de compras, leilão virtual, crowdfunding e importação direta, assim como informações sobre os direitos do consumidor.

Para esclarecimento de dúvidas o e-consumidor deve procurar o Procon de sua cidade ou entrar em contato pelos telefones para atendimento:

São Paulo: 151 – Minas Gerais: (31) 3250.5010 – Poupatempo: 0800 772 3633

Autor: Helbert Fernandes

 


Acesse também:
Integrações Webvenda: Segurança e Criptografia
Marketing Digital Webvenda: Search Engine Optimization – SEO
Comércio eletrônico dobra faturamento com Black Friday

Comentários encerrados.